Transformações políticas na Colômbia do século XXI: Conflito, Acordo de Paz e seus Efeitos Domésticos e Internacionais

Autores

  • Fernanda Cristina Nanci Izidro Gonçalves Unilasalle-RJ

DOI:

https://doi.org/10.46752/anphlac.28.2020.3850

Resumo

Resumo: Ao longo do século XXI, a Colômbia passou por diversas transformações em sua política doméstica e externa. Considerada uma voz dissonante no projeto de integração na América do Sul no alvorecer do novo século, a nação vizinha se inclinou à região a partir de 2010, objetivando romper o afastamento e se integrar de forma mais ativa aos processos sul-americanos, projetando uma identidade renovada. Somou-se a esse cenário o acordo de paz firmado com as Farc, que ajudou a modificar a percepção sobre o país. Este artigo busca analisar os processos políticos internos que afetaram a Colômbia durante este novo século (2000-2019), assim como sua relação com os países da região e sua inserção nos projetos de integração sul-americana. Para tanto, são analisados os governos de Andrés Pastrana (1998-2002), Álvaro Uribe (2002-2010) e Juan Manuel Santos (2010-2018). Por fim, apresentam-se as mudanças em curso e os desafios encontrados pelo novo presidente, Iván Duque (2018-2019), na política doméstica e exterior, com especial ênfase na política para a América do Sul.

Palavras-chave: Colômbia. Política Doméstica. Política Externa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-06-20

Como Citar

Nanci Izidro Gonçalves, F. C. (2020). Transformações políticas na Colômbia do século XXI: Conflito, Acordo de Paz e seus Efeitos Domésticos e Internacionais. Revista Eletrônica Da ANPHLAC, 20(28), 338-363. https://doi.org/10.46752/anphlac.28.2020.3850